Sampaio Corrêa: Sonho da Série A, cada vez mais distante

0

Com um a menos desde os cinco minutos do segundo tempo, o Cruzeiro sofreu, mas conseguiu segurar a pressão do Sampaio Corrêa e encaminhou a permanência na Série B do Brasileiro ao ganhar por 1 a 0, na noite desta sexta-feira, no Castelão, pela 33ª rodada.

A vitória na capital maranhense encerra um jejum de quatro jogos e faz o Cruzeiro respirar na luta contra o rebaixamento, chegando aos 44 pontos, na 11ª colocação. Já o Sampaio Corrêa praticamente deu adeus as chances de acesso ao perder a quinta seguida e estacionou nos 45, em nono lugar.

GOL RELÂMPAGO

Luiz Felipe Scolari apostou em um ataque veloz e a escolha mostrou resultado logo aos três minutos. Airton foi lançado nas costas da zaga por Giovanni e cruzou rasteiro para William Pottker chegar batendo de primeira. O gol fez o Sampaio Corrêa sair ainda mais em busca do resultado.

Aos 13, o time maranhense reclamou de um pênalti não marcado depois de Cacá desarmar Roney com um carrinho dentro da área. Depois, o atacante assustou Fábio em chute colocado. O Cruzeiro recuou demais para explorar o contra ataque.

HAJA CORAÇÃO

Jackson recebeu passe dentro da área e bateu na rede pelo lado de fora. Aos 43, Caio Dantas escapou da marcação e soltou a bomba para grande defesa de Fábio.

Na sequência, Roney deu de bicicleta e a bola explodiu no peito do goleiro cruzeirense.

Para aumentar o drama, o árbitro deu nove minutos de acréscimos por conta da cera dos jogadores do Cruzeiro.

O Sampaio Corrêa reclamou de um pênalti não marcado quando o chute de Marcinho acertou o braço de Paulo dentro da área. Apesar de toda a pressão, o time mineiro conseguiu segurar a vitória.

PRÓXIMOS JOGOS

O Sampaio Corrêa volta a campo na próxima terça-feira, contra o Botafogo, às 19h15, no Santa Cruz, em Ribeirão Preto. Na quarta, o Cruzeiro recebe o lanterna Oeste, às 21h30, na Arena Independência, em Belo Horizonte. Os jogos são válidos pela 34ª rodada.

Fonte: Maranhão Esportes.

Share.

Comments are closed.