Sá Marques abriu fogo contra Osmar Filho

0
A expressão “saia justa” significa uma situação embaraçosa, vergonhosa. Situação difícil, complicada. O ditado popular pode ser usado perfeitamente para definir a vergonha que o presidente da Câmara de São Luís, Osmar Filho, passou na tarde desta quinta-feira, 25, durante sessão solene em homenagem aos 50 anos de fundação Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA), comemorado 27 de novembro de 2018.
Tudo estava caminhando nos conformes. No entanto, a cerimônia festiva virou uma ‘lavanderia’ para que o vereador Professor Sá Marques aproveitasse o momento para falar umas verdades que estavam enroscadas em sua garganta para o chefe do legislativo. Durante a homenagem, Sá Marques abriu fogo contra Osmar Filho, que já começa a enfrentar sérios problemas e uma grande rejeição de aliados e funcionários com apenas quatro meses no comando da Casa.
Sá Marques afirmou que estava ligando há cinco dias para o presidente da Casa, mas nada o fazia atender suas ligações e, em tom sarcástico, disse que talvez a partir desta sessão o chefe do legislativo poderia começar a atender, diante dos empresários.
“Eu liguei cinco dias para o senhor e não me atendeu, talvez a partir desta sessão o senhor atenda, diante dos empresários, da Marinha, do Exército, quem sabe das Forças Armadas e os grandes empresários façam o senhor atender minhas ligações. Sou vereador de São Luís, eleito democraticamente pelo povo”, desabafou.
O parlamentar que foi eleito pelo PHS, afirmou que quando liga para alguma autoridade, liga visando atender o interesse da sociedade da cidade e fez questão de destacar que saiu do aniversário da sua mulher e filha para fazer esse desabafo.
“Atenda minhas ligações. Quando eu ligo, ligo visando atender o interesse da sociedade da nossa cidade. Sair do aniversário da minha mulher e filha para fazer esse desabafo. Me perdoe o momento, mas a minha mãe disse que eu queimei a minha língua com papa. Se eu tiver que renunciar na segunda-feira eu renuncio, mas nunca vou deixar de ser sincero com vossa excelência. Eu tenho carinho e respeito pelo senhor, mas sou vereador de São Luís, eleito honestamente com 5 mil votos”, completou.
Durante o pronunciamento que se transformou num desabafo, o vereador ainda foi bastante educado, mas nos corredores, evidenciando uma irritação pelo tratamento que está sendo dispensando aos edis, Sá Marques fez duras críticas ao presidente, usando palavras, infelizmente, impublicáveis.
MAIS CRÍTICAS
Antes de dirigir às críticas ao presidente da Casa, Sá Marques que demonstrava estar inspirado, também distribuiu algumas reprimendas para personalidades que prestigiava a cerimônia. Foi o caso do presidente da OAB-MA, Thiago Diaz, criticado pelo parlamentar pela falta de apoio ao advogado José de Ribamar, acometido por uma infecção nos ossos, que está morrendo no corredor do Socorrão II.
Parabenizou Pavão Filho pela iniciativa de homenagear investidores, mas fez ressalvas, haja vista que falta o governo ter 10% da mentalidade dos empresários, visão de empreendedorismo, na questão de infraestrutura.
“Sou autor do projeto de lei que deu o título de utilidade pública a Associações dos Jovens Empreendedores, inclusive, já visitei e propus alguns projetos”, disse.
REFLEXO NA IMPRENSA
O desabafo do vereador Sá Marques pela forma que Osmar Filho vem dispensando aos colegas também já começa ser observado por setores da imprensa. Desde que assumiu, o chefe do legislativo passou a realizar algumas ações visando promover o seu nome, mas como não conseguiu regularizar a situação dos fornecedores da imprensa, essas pautas acabaram não repercutindo. Já há quem sinta saudades do antecessor.
Agora uma verdade precisa ser dita: o desabafo do vereador Sá Marques é um sentimento da grande maioria dos parlamentares que não escondem o descontentamento com Osmar.
Por https://maranhaomeutorrao.blogspot.com/
O Blog Ilha Rebelde encontra-se aberto a esclarecimentos sobre a matéria, com a palavra as partes mencionadas.
Share.

Comments are closed.