Coletivos e movimentos ocupam antiga sede da UMES

0

Coletivos e movimentos ocupam antiga sede da UMES, que já estava abandonada a mais de 15 anos. Pretendem torna esse imóvel palco de referencia e apoio às organizações sociais, estudantes, manifestações culturais, além de revitalizar e dar uma função social. Vejam o manifesto abaixo:

CENTRO ARTISTICO CULTURAL URBANO- CACURB

Manifesto

A nossa ocupação urbana, nasce da necessidade e do anseio de um conjunto de organizações, coletivos e movimentos, entre eles muitos ligados a arte e cultura, como movimento dos coreiras e coreiros do tambor de criola, ritmo originário da cultura local e ancestral, de militantes à favor da cultura popular, ativistas, integrantes da cultura hip hop de nossa cidade, que se encontram em nossas praças realizando várias plataformas de eventos musicais que falam da conscientização social, movimentos feministas, sebos e literários e muitos outros movimentos e coletivos urbanos. Buscamos através desta ocupação dar uma função social a este imóvel que integra o conjunto de outros imóveis que fazem parte do patrimônio histórico da humanidade. Nos comprometemos dessa forma não somente em ocupar e dar uma função social para este imóvel abandonado mas também na conservação, manutenção, asseio e revitalização. Este será um espaço aberto para congregar esses coletivos e movimentos, sendo ponto de referencia e apoio, servindo para desenvolvimento de atividades, projetos, oficinas, reuniões e debates. Alem de palco para manifestações culturais e artísticas, também servirá de base para desenvolver projetos ligados ao empreendedorismo social, apoio para iniciativas educacionais. Este ambiente plural, diverso e democrático que estamos a construir não terá espaço para preconceito, machismo, misoginia, lgbtfobia e nem um outro tipo de ataque as minorias e qualquer tipo de opressão.

Entendemos que se organizar é possível e construir essa articulação política dentro de um imóvel que carrega varias simbologias é mais ainda, através de uma rede de coletivos e movimentos estamos avançando com muito trabalho e esforço coletivo, dando vida e tornando de fato esse espaço revitalizado, e em breve tornar um espaço que será janela de oportunidades e protagonismo social como já esta começando a ser. Diante disso e através desse manifesto convocamos todos os interessados em colaborar a nos dar apoio, assim também como da comunidade acadêmica, movimentos sociais, ativistas, militantes de outras organizações e toda sociedade em geral a se juntar conosco nesta iniciativa e estar presente na Ocupação da Central Artística e Cultural Urbana- CACURB. Vamos a luta!

“Sonho que se sonha só

É só um sonho que se sonha só

Mas sonho que se sonha junto é realidade”

Share.

Comments are closed.