BALSAS: Ensino Médio sofre com SUPERLOTAÇÃO de salas de aula

0

A rede pública estadual de ensino em Balsas – MA vem sofrendo com um grave problema de gestão, as Unidades Regionais de Educação – URE’s inicialmente criadas com o objetivo de promover a reestruturação administrativa, a descentralização e a gestão participativa no governo do Estado do Maranhão, atualmente servem ao desgoverno comunista de Flávio Dino que consegue desvirtuar até mesmo seus próprios projetos.

Desde o ano passado, uma escola respeitada em Balsas, com 60 anos de funcionamento, localizada no centro da cidade,  e conhecida por possuir um excelente quadro de professores, vem sendo motivo de várias reclamações -a superlotação das salas de aula- o que tem dificultado cada vez mais o aprendizado dos alunos no ensino médio. Vale destacar que a opção por esta escola, tanto por pais, quanto pelos alunos, se dá por conta dos ótimos resultados e aprovações em vestibulares e no Enem.

Em 2019, foram unificadas duas turmas do segundo ano, resultando em uma sala de aula com 57 alunos, quando o limite aceitável para o ensino médio é de no máximo 35 alunos por sala. Salas acima do limite aceitável tendem à dispersão dos alunos, dessa forma, o professor acaba desperdiçando tempo  tentando manter o controle e a organização da mesma.

A URE de Balsas não demonstra o mínimo de preocupação com essa problemática pedagógica, e a ordem geral é matricular todos os alunos em tempo integral. Existe escola em Balsas com nove salas de aula em sua estrutura física e ofertando apenas quatro turmas pelo turno da manhã e três turmas pelo turno tarde. E mais, uma única turma do segundo ano já possui 46 alunos matriculados para o ano letivo de 2020 e uma fila enorme de solicitações de matrícula para atender, mas o que se ouve falar é que a URE de Balsas não quer abrir novas turmas para segundo e terceiro ano.

E se nada mudar, a mesma problemática do ano passado irá se repetir, salas de aula superlotadas! Manchando mais uma vez a reputação de uma escola tão respeitada na cidade de Balsas.

Espera-se uma solução que assegure os direitos dos alunos e também dos professores.

O blog se coloca à disposição das partes envolvidas para possíveis esclarecimentos acerca dos fatos/denúncia acima relatados.

Share.

Comments are closed.